Entreter as Massas

Para já toda a polémica em torno da licenciatura de Sócrates não tem sido mais do que um circo romano dos tempos modernos. É evidente que é importante saber se Sócrates mentiu ou não mentiu, mais pelo facto de mentir do que sobre o assunto da mentira. Existem suspeitas e questões lançadas mas nada suficientemente claro  para dar do PM uma imagem de “aldrabão” ou para a longo prazo afectar de forma decisiva a sua imagem. Claro que, como Paulo Gorjão avisa, qualquer discrepância entre o que Sócrates disse ontem e novos dados que possam vir a ser desvendados mudará por completo o panorama.

Na forma actual, Sócrates só tem de apresentar o seu ar de indignação, desviar os olhares dos supostos problemas da sua licenciatura para os problemas reais da UnI, e deixar a malta a discutir o tema enquanto vai governando o país como lhe apraz. Lá no fundo Sócrates tem é de estar satisfeito: toda esta polémica surgiu numa altura em que a pressão acerca das suas políticas, e com especial destaque o Aeroporta da Ota, ia aumentando de tom; não só esse como outros assuntos desapareceram das notícias e conversas, enquanto se discute um problema que se bem gerido dará um nova capital de confiança ao PM. Se não meteu água no que disse na entrevista de ontem, Sócrates vai sair a ganhar desta trapalhada!

Tags: Media technorati_logo sapotags_logo marcantes_logo destakes_logo favoritos_logo delicious_logo wordpress_logo


  1. Trapalhadas atrás de trapalhadas. Tal como era no tempo em que ele era ministro do ambiente.




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: