Second Life e o Fim da Utopia?

secondlife

O Spiegel tem um artigo, da autoria de Khuê Pham, acerca de como o Second Life está a tornar-se cada vez mais como o mundo real. Já aqui falei do ataque terrorista levado a cabo pelo Second Life Liberation Army, mas a violência entre avatars ocorre diariamente sendo o exemplo destacado no artigo de confrontos entre activistas de extrema-esquerda e partidários do FN o partido de Jean-Marie Le Pen.

Mas os problemas que assolam o Second Life tendem a multiplicar-se seja a queixa judicial que um advogado norte-americano apresentou contra os Linden Labs após o encerramento da sua conta; às questões éticas que muitos vão colocando acerca dos comportamentos sexuais entre avatars, incluindo uma estranha noção de pedofilia – pessoalmente não me parece que se deva considerar pedofilia uma relação sexual entre um avatar adulto e um avatar criança porque: 1) provavelmente o avatar-criança pertence a um adulto na vida real; 2) são bonecos virtuais num mundo virtual!

Obviamente que o Second Life tem aspectos positivos como sejam o abrir de novas oportunidades a quem não as dispões no mundo físico, ou o potencial de interacção entre os seus “habitantes”. Questões como a regulação deste mundo por parte de uma autoridade que não os Linden Labs parece-me claramente desproporcionado e um pouco neurótico; no entanto, e como falamos de quantias crescentes de capital envolvido, a fiscalização em torno dos negócios tornar-se-á essencial.

No fundo, o Second Life vai-se moldando para uma versão fantasiosa da realidade, com os comportamentos a seguirem padrões similares os praticados offline; com a distinção de cada no mundo virtual os limites tendem a esbater-se. Acaba-se a utopia de um mundo perfeito com que muitos sonharam, abrem-se novas oportunidades para todos. No final creio que esta transformação ocorrerá de forma natural e será aceite como normal por todos os intervenientes no processo.

Tags: Web 2.0 technorati_logo sapotags_logo marcantes_logo destakes_logo favoritos_logo delicious_logo wordpress_logo


  1. Pra começar o Seond Life apesar de ser virtual ele da a entender que tudo pode, até se relacionar com crianças que pode ate ser (no mundo real) um adulto mas também pode ser uma criança. O ”adulto” ele tem o desejo de estar lá fazendo o que o avatar faz, e com isso vai alimentando na cabeça dele até ele esquecer que é apenas um jogo e comete o crime no mundo real.

  2. doks

    nao concordo pois o second life e so um jogo como qualquer outro e no gta que um mata o outro roubam-se carros etc

  3. Eu tbm não concordo, eu jogo sl e minha personagem é uma stripper..ela não tem nada a ver comigo, eu nunca faria as coisas q ela faz…ela é apenas uma personagem…

    meu blog:
    http://nathalykayor.blogspot.com/

    o.~

  4. Kurama Core

    oncordo com vc Bruna.

  5. Misaki mei

    Tb n concordo!




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: