Arquivo de Fevereiro, 2006

A Adidas resolveu adoptar uma abordagem mais concreta do seu slogan e aproveitou um arranha-céus em Tóquio para criar uma das mais espectaculares tácticas de Guerrilha que tenho visto, o ‘Impossible Sprint’

adidas_sky1

adidas_sky2

Agência: TBWA, Japão

Via: AdverBox

Anúncios

Wonderbra

Campanha de Gerrilha que demonstra, através de um exemplo prático colocado numa revista, o efeito que o Wonderbra pode ter no busto feminino.

wonderbra_1

wonderbra_2

wonderbra_3

Via: AdverBox

Bling my Sid

Está aí a chegar a sequela de ‘Ice Age’ um dos mais divertidos filmes de animação de sempre. Para promover ‘Ice Age 2’ a 20th Century Fox decidiu criar um site onde podemos ‘vestir’ Sid, uma das personagens principais, de acordo com as nossas preferências. Esta foi a minha ‘criação’:

my_sid

When She’s Hot – Old Spice

old_spice

A Old Spice montou um micro-site onde para além de os visitantes puderem ver o novo anúncio da marca, são convidados a assumirem o papel de realizador e construírem a sua própria versão do spot.

guinessvai a Guiness ao cliente! Pelo menos parece ser essa a mensagem que a marca irlandesa quer passar. Confrontada com a baixa das vendas, atribuídas ao facto de as políticas anti-tabágicas estarem a afastar os tradicionais clientes dos pubs britânicos, a companhia optou por publicitar a versão ‘enlatada’ do produto, construindo um pequeno paradoxo com o lema ‘Good things happen to those who wait!’ que tem sido o bastião da Guiness nos últimos tempos, e que teve o seu momento maior com o spot NoitulovE onde se parodia com a evolução humana.
Agência: AMV BBDO

Via: Adfreak

T’shirt FedEx

fedex_tshirt

Criar um t’shirt que leva as pessoas a crer que quem a usa transporta uma embalagem da FedEx. Uma excelente estratégia de guerrilha para aumentar a notoriedade da marca.

Agência: BBDO|New York

Via: Ad Blather

Post-it BES

Hoje, ao olhar para a minha edição do Público dei com este post-it, facilmente identificável via cor (um ponto para a equipa criativa)
post-it_bes

Captada a minha atenção (dois pontos), procedi à acção indicada no autocolante (3 pontos) e folheei até à página indicada.

bes_pub

Simples, directo e eficaz (4 pontos). Uma boa estratégia na senda do que tem vindo a ser feito com os jornais de distribuição gratuita (Metro e Destak). Em termos de notoriedade, o BES leva nota máxima. A mudança de imagem parece ter resultado, conferindo à marca um ar mais jovem e futurista (apesar da sensação de estar a olhar para uma apresentação power point).

Pergunto-me é se não estará a arriscar uma imunização das pessoas à marca com tanta publicidade, ainda por cima veiculada de uma forma tão insistente!?!

Numa outra nota: devia ser proibida a iluminação das sucursas do Banco! Aquilo ainda provoca um ataque de epilepsia ou cega alguém!